26 de set de 2017

Tarapacá campeão de vendas da Épice


Será que uma vinícola sul americana ter mais de 140 anos quer dizer alguma coisa?  Para mim significa muito, afinal de contas seus vinhos vem agradando diversas gerações e estes consumidores certamente  não devem estar enganados . Assim é a Tarrapaca, fundada em 1874 no Vale de Maipo pelo enólogo Don Francisco de Rojas y Salamanca. Longa historia de grandes vinhos e mudanças que culminaram com a venda da propriedade para a Vinha San Pedro no ano de 2008.
A Tarrapacá é hoje a segunda maior exportadora de vinhos do Chile e de seus 6.600 hectares de área conta com 600 plantados com vinhedos de diferentes variedades que desde 2014 adotaram o conceito da sustentabilidade. Dentro deste conceito podemos destacar a mini hidrelétrica que fornece 60% das necessidade energéticas da vinícola, a implementação de painéis solares,o processo de  irrigação natural, e finalmente oprograma que enfoca a restauração e conservação da biodiversidade fomentando os serviços ecosistêmicos dos vinhedos como o corredor biológico que mantém a mata natural na rota utilizada pelos pássaros em suas migrações e de outros animais que habitam a mata. Definitivamente uma vinícola tradicional com uma postura moderna e preocupada com nossas futuras gerações.
Mas vamos falar um pouco de seus vinhos aproveitando a estada de Sebastián Ruiz enólogo chefe da vinícola ao Brasil.



Gran Reserva Sauvignon Blanc 2016 – Palha brilhante aromas minerais, herbáceos e casca de limão. Na boca, muito fresco e com uma estrutura impressionante, que promete agüentar guarda. R$ 100

Gran Reserva Carmenere 2015. Rubi extra tinto, sem halo. Vinoso, violetas, herbáceo, é muita especiaria doce. Bom balanço de boca, taninos finos, corpo médio, retrogosto frutado com toque tostado. Podia ter um pouco mais de acidez. R$ 100

Gran Reserva Cabernet Sauvignon 2015 – Varietal 100% Cabernet Sauvignon - Rubi, boa concentração, sem halo.  Pimenta do reino, ameixa, cassis, mineral, e toque de menta. A boca vibrante, boa acidez, taninos finos presentes, final de boca gostoso, gastronômico, agradou muito.  - R$ 100


Gran Reserva Blend Series # 1 safra 2014 - Corte de Cabernet Sauvignon e Syrah -Rubi média concentração, sem halo. Complexo, frutas negras frescas como ameixa, toque floral, pimenta do reino, menta, leve terroso e tostado. Na boca muito vivo, acidez alta, taninos ainda presentes, corpo médio final de boca macio, com frutas e leve tostado. R$ 150

Gran Reserva Etiqueta Negra  2015 – Varietal 100% Cabernet Sauvignon - Rubi, média concentração sem halo. Frutas negras maduras, couro, grafite, menta, e tostado. Tripé correto, delicado, macio, corpo médio, final de boca sedoso, com frutas e leve tabaco. R$ 180

Gran Reserva Etiqueta Azul 2013- Corte com Cabernet Sauvignon, Syrah,Petit Verdot e Cabernet Franc -Rubi, média concentração sem halo. Frutas negras, cassís, violetas, couro, tabaco, menta e grafite. Ótima acidez, taninos finos, estruturado, final picante, mas muito agradável  R$ 250

Como sempre me agradou muito o Etiqueta Negra, um Cabernet de primeiríssima qualidade, e este novo Blend Series um vinho complexo a ótimo custo.

Os vinhos da Tarrapaca são distribuídos no Brasil pela Épice


Épice: WWW.epice.com.br  - Fone (011)  2701 2050

Nenhum comentário:

Postar um comentário