21 de ago de 2015

Vinum Brasilis um show dos vinhos nacionais em Brasília

Petrus Elesbão o organizador da feira 


Ocorreu na semana passada  em Braília a esperada Vinum Brasílis, uma verdadeira vitrine de luxo para os  vinhos brasileiros. Já em sua 8ª edição é por muitos considerada como a mais importante  feira de vinhos  brasileiros . Por esta ser a minha primeira participação, devo admitir que fiquei muito bem impressionado com o alcançe do evento, sua organização, e especialmente a qualidade do público, muito ordeiro, mais em busca de boas alternativas para comprar do que simplesmente para beber tudo que puder como é muito comum nas grandes feiras de vinho. O evento teve a presença de 1.700 pessoas e contou com a participação de 24 expositores com mais de 200 rótulos, além de ter generosa  mesa de frios, e outros mimos que o organizador Petrus Elesbão  sempre faz questão de oferecer a seus convidados. Um bom exemplo foi  o “transporte amigo” que leva os visitantes mais animados gratuitamente para suas casas. Como sempre, além dos stands com grandes produtores nacionais como Aurora, e Valduga, e outros, estiveram  presentes diversos produtores médios de quem gostamos muito como Pizzato, Lidio Carraro,  Cave Giesse, Antonio Dias, Maximo Boschi e outros, mas admito que adorei visitar o stand do amigo Eugênio ( Decantando a Vida) grande apreciador de vinhos naturais que contava com a presença de duas feras dos vinhos  brasileiros, 

Vilmar Bettú
Vilmar Bettú e Eduardo Zenker, além de uma série de exemplares orgânicos, biodinâmicos  que dia a dia tem se tornado uma escolha inteligente para quem gosta de vinhos mais delicados e com preocupação com o meio ambiênte. Dentre os vinhos disponíveis neste stand  destaco o incrível  Chardonnay Marco Danielle Garagem Zero 2008, o redondo Serena Pinot Noir 2001, o exótico Alter Ego 2012 de Eduardo Zenker, o personalissimo Bordalês “B” 2002 de Vilmar Bettú , alem de dois vinhos elaborados por companheiros de profissão , como o Pinot Noir do Projeto ARMM de Alexandre Rodrigues e Marcel Miwa , e o Quinta Ribeiro da Mata de Werner Schumacher. 
Jane Pizzato
Visitando outros  stands  fiquei muito bem impressionados com  os seguintes vinhos:

Aurora-  Espumante Pinto Bandeira Tradicional - R$ 60
Antonio Dias - Pinot Noir 2013 – R$ 80
Don Guerino – Traços2012 Gran Reserva – R$ 139
Luiz Argenta – Cabernet Franc 2012 – R$ 69
Pizzato – Verve Grand Reserva – R$ 100
Perin – Marselan 2013 – R$ 33
Villa Francioni - Sauvignon Blanc 2014 – R$ 86
Lídio Carraro – Merlot 2006 – R$ 124
Matiz – Alvarinho Hermann  2013 – R$ 76
Aracuri – Pinot Noir 2014 – R$ 51
Don Bonifácio – Espumante Habitat Tradicional Pinot Noir 2009 – R$ 65
Peruzzo – Cabernet Sauvignon 2012 – R$ 60
Maximo Boschi – Speciale 2008 – R$ 65

Para finalizar que deixar registrado que eventos como este devem ser incentivados , frequentados, e divulgados pois premiam os esforço dos bons produtores brasileiros. Espero poder  estar presente na edição 2016 para novamente curtir dois dias de muita alegria e bons vinhos , e novos amigos
Sucesso Petrus !!


Vinum Brasilis - www.vinumbrasilis.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário