24 de jun de 2013

Casa Flora da banho de organização


Recentemente tive o prazer de participar do Wine Gourmet Show organizado pela Casa Flora e pela Porto a Porto, e devo admitir que fiquei agradavelmente surpreso pela organização e por todos os todos os detalhes que fizeram  parte deste evento ( localização, alimentos servidos, vinhos e bebidas disponibilizadas e  ffacilidades) . Normalmente nas feiras de vinho os jornalistas especializados  tem horários específicos onde podem degustar os vinhos apresentados com um pouco mais de tranquilidade visto as mesas com os produtores estarem menos cheias. Normalmente provamos os vinhos de pé com nossos bloquinhos de anotação, tiramos as fotos e tudo mais, e quando os stands começam a encher a coisa fica complicada pois pela demora com que degustamos cada um dos vinhos nos sentimos meio que atrapalhando aqueles que vão lá apenas para provar os vinhos. Quase sempre eu demoro bastante em minha passagem pelos vários Stands pois acho extremamente util e informativo provar a linha inteira de cada produtor e não apenas “o melhor que você tem ai “. 
Mas parece que desta vez a importadora achou o caminho das pedras pois montou uma sala especial para jornalistas e formadores de opinião, onde o profissional chega senta em uma das mesas disponiveis  vai se servindo dos vinhos que gostaria de provar, escrevendo e fotografando tudo com muita tranquilidade e comodidade. Meus parabéns aos organizadores e a quem teve esta brilhante idéia !
Infelizmente fiquei apenas uma hora pois no mesmo dia já tinha outro compromisso , a reunião de nossa tradicionalissima confraria ” Serenissima”, mas mesmo assim pude provar 20 exemplares de vários produtores que fazem parete do portfólio das importadoras . A feira apresentou 31 produtores de vinhos com quase 170 diferentes rotulos, 7 de alimentos e mais outros 8 de produtos variados desde água mineral a Whisky.


Vamos a meus 5 vinhos favoritos:

Cava Gramona Celler Batlle Gran Reserva Brut – Palha ainda com toques esverdeados, brilhante, musse leve, perlage intensa com bolhas minusculas. Na boca levedura, abacaxi maduro, avelã, leve cítrico , e boa mineralidade. Na boca alta acidez, elegante, corpo médio, retrogosto com frutas evoluidas e café. Esse cava põe muta champagne no bolso, fantástica.  Nota 92/100







Domaine Didier Dagueneau Pur Sang 2010  – Palha brilhante. Nariz limpo e fresco, e muito mineral, pedras molhadas, e leve toque cítrico. Na boca, ótima acidez, seco, corpo médio, elegante, final de boca delicado com toques cítricos. Famoso vinho quero mais, mais mais ...Nota 92/100








Caggiano Taurasi Vigna Macchia dei Goti – Violáceo para rubi,  extra tinto, leve halo. Frutas vermelhas frescas, pimenta preta,coro, terra,  toque mentolado, e intenso floral. Na boca,  ótima acidez, taninos finos ainda não prontos, corpo médio,perdistência longa ,  retrogosto frutado muito agradável. Um vinho de guarda. Nota 91/100







Mangiafoco Toscana Rosso Poderi del Paradiso IGT  – Granada , extra tinto,halo intenso. Complexo, violetas, balsâmico, tabaco, couro, madeira velha, terroso. Na boca, austero,  acidez marcada, taninos presentes, corpo médio retrogosto frutado com aquele funghi seco da toscana. Um varietal Cabernet Sauvignon com genética toscana, super gastronômico. Nota 91/100







Marques de Tomares Gran Reserva – Granada, média concentração, halo de evolução intenso. Olfativamente com muita tipicidade, floral, frutas vermelhas maduras, terroso, e tostado muito bem integrado. Na boca, suculento, ótima acidez, taninos domados, corpo amplo retrogosto frutado com presença de empireumaticos. Um Rioja de fraque ! Nota 91/100








Casa Flora – Site www.casaflora.com.br – Fone (011) 3327 5199


2 comentários: