24 de jul de 2012

Chaves Oliveira mais uma importadora ganhando espaço neste competitivo mundo do vinho




Chaves Oliveira é uma nova importadora que leva o nome de seu proprietário. Conheci o Arthur em um salão de vinhos portugueses onde ele buscava um bom Douro para o seu portfólio e me consultou sobre os vinhos da Quinta do Portal com os quais estava em negociação, minha resposta imediata foi pode pegar e que não iria se arrepender, visto ser uma marca detentora de vinhos de alta qualidade e que foi muito bem trabalhada pela antiga importadora que os trazia para o Brasil. Pensei comigo: Começou bem pois sou fã de carteirinha destes vinhos. Recentemente recebi um convite dele para provar seus novos vinhos espanhóis, apresentação esta que ocorreu no “O Bacalhoeiro”. Alem do Arthur estiveram presentes Sergio Balukov, representante das Bodegas Patrocinio, que nos apresentou sua linha Zinio da região de Rioja, e alguns amigos da mídia do vinho de São Paulo.
Vamos aos vinhos provados: 

Zinio Garnacha 2010álcool: 14,5% - Varietal 100% Garnacha . Rubi média concentração, sem halo. Aromas frutados com ligeiro adocicado, floral, e pimenta. Na boca, boa acidez, taninos presentes, quente com toque a mais de álcool, retrogosto frutado e picante. Vinho básico de boa qualidade.Nota: 85/100








Zinio Tempranillo-Graciano 2009 – álcool: 14,5% - Corte de Tempranillo (85%) e Graciano (15%) – Passagem de seis meses em barricas americanas e três meses na garrafa. Rubi média concentração, sem halo. Olfativamente agradável com frutas negras, tostado (baunilha)  e terroso. Na boca boa acidez, taninos presentes, corpo médio, retrogosto frutado, com toque tostado. Ainda jovem com muito potencial, que me agradou muito. Nota: 87,5/100






Zinio Tempranillo Crianza 2008 – álcool: 14% – Varietal 100% Tempranillo – Rubi brilhante, média concentração, com leve halo em formação. Nariz repleto de frutas negras já em evolução, floral e especiarias. Na boca, acidez média, taninos finos, corpo médio, ponta de álcool, e retrogosto com frutas e tostado mais intenso. Nota 87/100








Zinio Tempranillo Reserva 2005 – álcool: 14,5% - Varietal 100% tempranillo com 18 meses de passagem por barricas francesas. – Granada, alta concentração, halo intenso de evolução. Olfativamente fechado no início, mas abriu na taça, Violetas, frutas negras, cereja azeda, e tostado doce indo para a baunilha. Na boca, boa acidez, taninos presentes de boa qualidade, toque alcoólico, e retrogosto mais marcado pela madeira. Bom vinho que precisa de mais garrafa.  Avaliação: 88/100







A minha impressão após tomar os vinhos é de serem exemplares com estilo mais moderno, ricos em frutas maduras, e um pouco mais alcoólicos, e menos ácidos do que os tradicionalistas. Certamente impressionam bem pelas altas pontuações dos críticos internacionais na linha de Robert Parker. Como os preços de venda ainda não foram definidos ficamos na expectativa que sejam vinhos de bom custo benefício.  
Desejo ao Arthur e sua equipe muito sucesso na construção de seu portfólio.

Chaves de Oliveira – Site -  www.chavesoliveira.com.br  - Fone (011) 2155 0871

Nenhum comentário:

Postar um comentário