4 de out de 2011

Caravana de vinhos franceses



Durante esta semana a SOPEXA e o Ministério da Agricultura da França estão organizando para a mídia especializada em vinhos, e formadores de opinião, uma série feiras com vinhos de diversas regiões deste país, que está sendo chamado de “Caravana dos vinhos tricolores”. A iniciativa traz diversos produtores, a maioria ainda sem representantes no Brasil, e visa a divulgação de seus produtos e a busca de importadoras interessadas em representa-los  por aqui. Ontem a caravana acampou em São Paulo no Sofitel da Sena Madureira que para vatiar continua sendo um dos estacionamentos mais caros de São Paulo. Não consegui conhecer todos os produtores e seus vinhos, mas acredito que pelo menos 80 pct delas. Estas foram as  vinícolas que tive o prazer de provar os vinhos.
Champagne Charpentiere
Champagne Dosnon et Lepage
Clos Saint Vincent dês Rongères
Cyril Labeille Distribution
Domaine La Haute Févrie
Domaine Pierre Chauvin
Gemcellar
Mallevieille Diffusion
Vignoble La Corterie

Hoje darei destaque a dois produtores que me agradaram  e durante a semana complementarei com mais  dois ou três.

Champagne Dosnon et Lepage – Localizada na região de Avirey- Lingery  em Côte de Bar, muito próxima a Chablis onde possuem dois hectares, sua produção atual monta em 50 mil garrafas ano e para tanto tem que adquirir uvas de outros produtores locais. A vinícola é nova, com 6b anos de existência, resultado da fusão de dois produtores locais Davy Dosnon e Charles Lepage. Sua linha atual de produtos e composta de quatro champagne:
Simon Charles Lepage
Récolte Noir – Uma Blanc de Noir 100% Pinot Noir que custa 27 euros para consumidor final na França –  Nota 87/100
Récolte Blanche – Uma Blanc de Blanc 100% Chardonnay que custa 29 euros para o consumidor final na França – Palha brilhante, boa mousse, boa perlage e molhas pequenas para médias. Olfativamente, marcada por aroma mineral, frutas brancas, leveduras e ligeiro cítrico. Na boca, alta acidez, seco, corpo médio, boa persistência e retrogosto frutado com toque mineral e tostado leve. Nota 89/100






Récolte Rosé – Uma Varietal 100% Pinot Noir  que custa 31 euros para o consumidor final na França – Nota 88/100
Alliae Cuvée – Com corte de 50% Chardonnay e 50% Pinot Noir,sem adição de licor de dosagem que custa 86 euros para consumidor final da França. – Palha brilhante, boa mousse, perlage intenso em turbilhão, bolhas minúsculas. Olfativamente complexa, mas muito delicada, leveduras, nozes, floral, mineral, frutas brancas, delicado tostado. Na boca, muito elegante, mousse intensa, mas macia, seca, corpo médio, boa persistência e retogosto marcado por leveduras e um ligeiro toque de Jerez. Nota 92/100




OBS : Este produtor está em busca de importador no Brasil. Para aqueles que ainda não tem champagne em seus portfólio, vai minha recomendação.

Domaine Pierre Chauvin – Vinicola localizada no vale do Loire, em Coteaux du Layon. Pertence a Paul-Eric,Philippe, e Mireille, da quinta geração desta família. Seu vinhedo de 15 hectares é orgânico desde 2005, sendo dedicado às variedades Chenin Blanc e Cabernet Franc. Produz os seguintes vinhos:
Mireille Vigneron
L’Argonnette Anjou Blanc AOC 2010 Sec, de 6 euros para o consumidor final na França – Nota 86/100


La Fontaine dês Bois Anjou Blanc 2008 Sec de 10 euros para o consumidor final na França- Palha verdeal brilhante. Olfativamente, floral, baunilha, e mineral. Na boca alta acidez, seco,corpo médio bom final de boca, gastronômico 86/100








Le Rose de Madame Rosé d’Anjou AOC Demi Sec de 5 euros para o consumidor final na França. Nota 85/100
L’Elégante Cabernet D’Anjou AOC Rosé Demi Sec de 5 euros para o consumidor final na França- Nota 86/100
Les Marcottes Coteaux Du Layon AOC Branco Moellaux de 7,5 euros para o consumidor final na França – Nota 86/100

Les Boléves Coteaux  Du Layon  Rablay AOC Branco Moellaux que custa 10 euros para o consumidor final na França – Vinho doce botritizado. – Dourado brilhante. Floral, mineral, mel, terroso. Na boca delicado, acidez correta, doçura no ponto certo, elegante, final de boca delicioso. Nota 88/100

Nenhum comentário:

Postar um comentário